E quando por alguma razão a vontade de seguir em frente teima em escapar-nos.  O coração desacelera e as lágrimas marcam o passo. O futuro de incerto passa a obscuro, e em volta não há ninguém a segurar-nos a mão. Then w?hat